Volume
Redes
Sociais
Estradas esburacadas da região de Picos irão receber operação tapa-buraco
14/04/2018 - 10h23 em Cotidiano

 

O período chuvoso tem complicado a situação de motoristas que trafegam por rodovias federais que cortam o Piauí e também por estradas estaduais. O diretor de engenharia do Departamento de Estradas e Rodagens no Piauí (DER-PI), Severo Eulálio, explica que as chuvas atrapalham a recuperação das vias, mas que de forma emergencial será realizada a operação tapa-buraco em alguns trechos. 

Na Capital, a BR-316 é um dos pontos críticos. Severo Eulálio garante que no trecho será realizada a operação tapa-buraco nos próximos 15 dias. 

“As dificultam os trabalhos de terraplanagem e aplicação de asfalto. Já me reuni com os engenheiros do DER que acompanham a obra e a construtora executora da obra para traçar estratégias de enfrentamento não só para continuar as obras após o fim do período chuvoso, como também a operação tapa-buraco”, explica o diretor de engenharia do DER ressaltando que, posteriormente, todo o pavimento será demolido e construído um novo. 

Já na PI- 260 (no município de Barreiras do Piauí, a 837 km de Teresina) e na PI-375 (entre Picos e Santana do Piauí), a situação também é crítica. Contudo, a recuperação das vias dependem, entre outros pontos, da liberação de recursos. 

“Essas duas rodovias não aceitam mais um trabalho simples de tapa-buraco. Na PI-260, a obra é de restauração e já foi licitada. Temos alguns problemas.  Para se fazer terraplanagem não pode ter um volume excessivo de água. Além disso tem a questão orçamentária. A obra está inserida nos programas de financiamento que estão em fase de prestação de contas. A situação da PI-375 é semelhante”, explica Severo Eulálio. 

Em entrevista ao Notícia da Manhã, o diretor de engenharia comentou também sobre a PI-243 entre Padre Marcos e Francisco Macedo onde também será realizada a operação tapa-buraco. 

Fonte: Cidade Verde 

 
COMENTÁRIOS